Assessor de monitoria e avaliação para a direcção provincial de saúde

Descricao da vaga

A Fundação Ariel Glaser contra o SIDA Pediátrico é uma ONG nacional que trabalha em parceria com a Direcção Provincial de Saúde, Serviços Distritais de Saúde da Mulher e Acção Social (SDSMAS) e Hospitais Rurais (HR) nas Províncias de Maputo e Cabo Delgado. Apoia a implementação, acesso e expansão dos Serviços Clínicos de HIV integrados e de qualidade, especificamente o Programa de Saúde Materno Infantil (SMI) /Prevenção de Transmissão Vertical (PTV), Cuidados e tratamento Anti – retroviral (TARV) para Crianças e Adultos e apoio psicossocial através de uma abordagem de Fortalecimento do Sistema Nacional de Saúde. A mesma pretende recrutar candidatos de nacionalidade moçambicana para a seguinte vaga:

  1.  ASSESSOR DE MONITÓRIA E AVALIAÇÃO PARA A DIRECÇÃO PROVINCIAL DE SAÚDE –  Cabo Delgado – Código (CD- AMADPS) – 1 vaga

1.1. Responsabilidades essenciais

  • Prestar assistência técnica ao Chefe do Departamento Provincial de Planificação e Cooperação (DPPC), incluindo a participação regular nas supervisões, na entrada de dados e outras actividades de rotina relacionadas com a monitoria e avaliação na Direcção Provincial de Saúde (DPS);
  • Apoiar na coordenação e gestão de informação e planificação de recursos necessários para o DPPC construir a memória institucional, bem como fazer orientação programática;
  • Trabalhar com o DPPC para desenvolver e monitorar os planos de trabalho de monitoria e avaliação, garantindo que estejam harmonizados com o plano nacional;
  • Fortalecer a capacidade do DPPC em preparar análises e tabelas para relatórios trimestrais, semestrais e anuais;
  • Assessorar o levantamento de necessidades de informação para a implementação do Programa de ITS e HIV/SIDA e de todo os programas de saúde da DPS;
  • Apoiar o DPPC na gestão das actividades de monitoria e avaliação com os parceiros, incluindo o apoio aos Serviços Distritais de Saúde Mulher e Acção Social (SDSMAS);
  • Apoiar a DPS na melhoria da qualidade de dados e nas formações ao nível dos distritos e pessoal das unidades sanitárias para a colecta de dados e elaboração de relatórios, processo deve respeitar os procedimentos estabelecidos pelo MISAU;
  • Apoiar o chefe do DPPC no uso da informação disponível para a tomada de decisões pelo Director Provincial.

1.2. Requisitos

  • Médico Generalista com pelo menos 3 anos de experiência como Director dos Serviços Distritais de Saúde Mulher e Acção social;
  • Técnico de Medicina Preventiva ou de Medicina Geral com pelo menos 4 anos de experiência na gestão de estatística dos Serviços Distritais de Saúde Mulher e Acção Social;
  • Conhecimentos sólidos de informática;
  • Experiência em monitoria e Avaliação;
  • Fluente em Português.

As candidaturas acompanhadas de Curriculum Vitae em língua Portuguesa devem ser enviadas até ao dia 3 de Maio de 2019 para os nossos escritórios Sede sito na Av. Agostinho Neto, Nº 620, na Matola sito na Rua da Missão nº 315 e em Pemba na Rua da Base Moçambique, nº 640.

N.B. Só serão contactados os candidatos seleccionados a entrevistas

Parceiro


A Rebus tem o prazer deapresentar a Kensyle-recrutement, seu parceiro estrategco numa abordagem global para solucoes em captal humano. Esta parceria vai assegurar que agricanos e seus descententes na diaspora tenham acesso a oportunidades de emprego em Mocambique, para mais informacoes sobre a Kensy

Detalhes

Entidade          Fundação Ariel

Local                Cabo Delgado

Categoria       

Data                 16.04.19

Validade          03.05.19

Sobre Nós


Visao Missão e Valores

Responsabilidade Social

Nossos Serviços


• Consultoria em Recursos Humanos

• Recrutamento e Selecção

• Gestão de Recursos Humanos

• Avaliação de Desempenho

• Formação e Orientação de Funcionários em áreas relevantes



Pagamentos


• Depósito Bancário

• Trasferência Bancária

• Mpesa

Contacte-nos


Copyright © 2019 REBUS CONSULTORES